Maratona de Berlim 2013

Maratona de Berlim 2013

terça-feira, 20 de setembro de 2011

Meu mundo nada perfeito

Ontem cheguei em casa radiante, depois de mais um dia sensacional de um trabalho desafiador e divertido. Minha mulher me esperava com um sorriso nos lábios e uma palavra alegre. As crianças, já de banho tomado, sorriram ao me ver e me lembravam o quanto me amavam. Conversávamos e brincávamos até a hora do sono deles, às 20:00h e ambos iam para a cama sem reclamar, depois de escovar os dentes e tomar o leite sem reclamar. Mais tarde ia me deitar com minha esposa. Tinhamos uma noite de amor maravilhosa. Às 6:00h, acordava, mas como tinha dormido às 22:00h, não tinha sono. Correria. Era dia de longão. Corria meus 18k, em preparação para os 30k de janeiro. Nada atrapalhava. Meu corpo parecia uma máquina perfeita, como tinha sido até então.

Que ruim seria se a vida fosse assim, como um comercial de margarina. Não é nada disso. O trabalho nem sempre é tão bom. O filho mais novo está doente e não dormiu direito as últimas noites. Por conta disso, sua mulher está cansada e você também, embora menos. As crianças, ainda que tenham esse dom de levantar o astral, tem seus momentos ruins. O mais velho implicando com o mais novo, que está com fome e também com sono. Coloca-se todos para dormir. Aí é hora de resolver as coisas que não podem ser resolvidas com crianças acordadas. Contas para pagar. Revisar o balencete do condomínio porque você faz parte do conselho fiscal. Quando se dá conta, já passou da hora de dormir cedo para acordar bem para treinar. Mas você acorda e sente aquela contusão que você achou que tinha ido embora. Enfim...

Que bom que tudo isso é assim. A vida toda perfeita seria muito sem graça. Bom é ficar cansado para dar valor ao descanso. Bom é ter filhos ainda imaturos para que você possa dar valor para aquilos que eles se tornarão um dia. Bom é ter uma rotina difícil para aproveitar os finais de semana nas corridas aí afora, de preferência baleiando. Bom é errar nas decisões e aprender com esses erros.

Isso tudo é a vida e eu acredito sim que no frigir dos ovos, ela é muito boa!!

ps sigo fazendo a fisioterapia e treinando leve em paralelo. Está dando para manter uma rotina minimamente razoável, ainda que longe do ideal, de treinos. Creio que estarei preparado para a Pampulha.

18 comentários:

  1. oi, sérgio!!!

    essa é a nossa desafiante rotina de todo dia!
    não é perfeita, mas alguns momentos são tão especiais que fazem tudo valer a pena!

    você estará no ponto pra pampulha!
    e lá, será carregado por uma onda coral que te levará até a linha de chegada;)

    tô na torcida!

    bjs
    http://elismc.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Sérgio,
    Filhos, esposa, casa, emprego e corrida são elementos importantes para se viver feliz.
    Às vezes, sonhamos de um jeito e acontece do outro, mas o importante é garantir a felicidade. Para ajudar, podemos correr, correr e correr...
    Amigo, já estamos preparados para a Volta da Pampulha. Junto com os amigos nada vai nos deter.
    Essa semana já consegui correr 5km. Espero chegar aos 10km no final de outubro.
    Grande abraço!
    Gilmar

    ResponderExcluir
  3. A vida como ela é ... complicada e cheia de surpresas. Se fosse diferente, que graça teria?
    Vc é dedicado e ama correr ... vai passar ... vai passar.

    ResponderExcluir
  4. às vezes me pego reclamando das coisas, da rotina...ai lembro de olhar em volta. Como tem gente em situação muito pior e seguindo feliz. Nossa vida é realmente excelente. Siga firme ai.

    ResponderExcluir
  5. De vez em quando uma dia de comercial de margarina também vai bem.

    Boas Corridas!!

    Alessandro
    http://blog42195.blogspot.com/
    @alesilvabr

    ResponderExcluir
  6. Elis,
    Com certeza, os momentos felizes compensam todo o resto.
    Obrigado!! será bom demais!!
    bjs
    Sergio

    ResponderExcluir
  7. Gilmar,
    Notícia boa demais. Estaremos juntos por lá... nada vai nos deter!
    abraço,
    Sergio

    ResponderExcluir
  8. Adriana,
    Obrigado! a vida não é simples mesmo, mas mesmo com tudo vale muito à pena. Talvez esse post tenha tido um ar um pouco pessimista pela contusão que não vai embora definitivamente. Mas, sinceramente, tem tanta gente passando por tanta coisa difícil que nossos problemas são pequenos demais.
    Acho mesmo que as coisas boas e ruins todas fazem parte do mesmo pacote e são todas necessárias.
    bjs
    Sergio

    ResponderExcluir
  9. Alessandro,
    só de vez em quando :)
    abraço,
    Sergio

    ResponderExcluir
  10. Oi Sergio,

    Acredito que ninguém tenha essa vida de comercial de margarina. O que difere é a maneira como cada um interpreta e reage aos percalços do dia a dia.

    Nada como um dia após o outro. Melhoras pra vc!!!

    Bjos,
    Dani
    correndoemagrecendo.blogspot.com

    ResponderExcluir
  11. excelente texto. valeu a leitura, afinal nenhum de nós tem essa vida novelesca, ou como você falou, de comercial de margarina. Viva a realidada, é muito mais gostosa.

    ResponderExcluir
  12. Dani,
    exatamente! Bom é encarar tudo com otimismo, que no final tudo vale muito à pena...
    bjs
    Sergio

    ResponderExcluir
  13. Mario,
    Obrigado pelo comentário! é isso aí. Relendo, acho que o texto não ficou tão claro. O que quis dizer foi exatamente isso. A realidade é muito melhor que o comercial de margarina!
    abraço,
    Sergio

    ResponderExcluir
  14. Hei Sérgio querido....

    A vida está tão corrida ultimamente que tenho a sensação de fazer uma maratona por dia....Mas
    também tem o lado gostoso de tudo isso não é???
    A grama do vizinho é sempre mais verde mas a nossa embora muitas vezes seca é tudo de bom....

    Nos vemos na pampulha .... com muito pão de queijo....

    Bjks

    Meire/Baleias - BH/MG

    ResponderExcluir
  15. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  16. Saudações, meu amigo.
    É. A vida é assim mesmo. Cheia de surpresas e imprevistos. Meu sumiço também foi por causa desta parte que nos faz lutar e dar valor, mas estou de volta.
    Agora é colocar o tênis no pé e recuperar o ritmo.
    Forte abraço e ótima semana.
    André
    http://andreeotenis.blogspot.com

    ResponderExcluir
  17. Meire,
    é isso mesmo... esse post foi só para ninguém achar que a grama do outro é mais verde. Problemas e dificuldades todos temos. Importante é ter sempre uma atitude positiva frente à vida!
    Desculpa pela demora na resposta, tirei uma semaninha de férias!
    beijos,
    Sergio

    ResponderExcluir
  18. André,
    é isso aí, amigo. É a Roda Viva!
    Que bom que estás de volta!
    tudo de bom!
    abraço,
    Sergio

    ResponderExcluir

Tenho um enorme carinho pelos que comentam por aqui e procuro responder a 100% dos comentários, aqui na própria seção. Vamos lá, diga aí embaixo o que achou ou qualquer coisa relacionada às corridas...